Luiz Carlos Trabuco Cappi fala sobre a reforma da previdência e outros temas

Durante entrevista, Luiz Carlos Trabuco Cappi atualmente presidente do conselho administrativo e diretor presidente do Bradesco, falou a respeito da previdência, das eleições, entre outros temas. Acompanhe o que foi dito pelo executivo.

A importância da reforma na previdência social

Segundo ele, a reforma da presidência é a mais importante, sendo mais fundamental do que as eleições deste ano. Trabuco classificou como a “mãe de todas as reformas”, tamanho o impacto no cenário econômico e social do país.

Além disso, ele acredita que o presidente Michel Temer possui o capital político necessário para conduzi-la ainda em fevereiro. O governo se caracteriza pela intenção em realizar as reformas, mantendo a coerência fiscal, monetária e política. O presidente pode determinar uma agenda positiva, tendo em vista que a reforma é indispensável no médio prazo para manter o tetos nos gastos federais.

Luiz Carlos Trabuco Cappi enfatizou que a reforma da previdência, independente da corrida pelas eleições. Ela é impulsionadora, ressaltou o banqueiro. Trabuco foi enfático ao afirmar que a reforma da previdência é a mãe, quando comparada a outras reformas. Se não houver a reforma, vamos ter um conflito de gerações e não um pacto entre elas.

Os resultados poderão ser vistos no médio prazo. No curto prazo temos um cenário de comprometimento com gastos públicos.

A retomada do crescimento

Em relação a retomada do crescimento, Luiz Carlos Trabuco Cappi se revelou otimista, sobretudo pela recessão profunda que o país esteve nos últimos anos. O executivo acredita que os brasileiros que conseguiram se manter nos empregos agora pensam em comprar carros, trocar móveis e até renovar o guarda-roupas.

Estamos em um cenário que joga os investimentos para cima e o pior já ficou para trás, ressaltou Trabuco. A respeito da retomada do crescimento e do interesse dos investidores estrangeiros, ele se manteve esperançoso. “Já estamos evidenciando investimentos, sobretudo devido as recentes operações para a abertura de capital”.

A retomada da economia brasileira ocorrerá por conta de suas próprias características, as quais tornam o país um bom lugar para se investir. Segundo ele, os indicadores demonstram que há investidores “com o dedo no gatilho” para depositar recursos no país. Além disso, o Brasil passando por um ano eleitoral e um governo querendo fazer reformas geram expectativas. Apesar disso, temos uma infraestrutura que atrai investidores.

Luiz Carlos Trabuco Cappi também mencionou nas entrevistas os empresários brasileiros. Para ele, a classe na anseia por uma reforma tributária para pagar menos impostos e sim em uma que simplifique o sistema tributário.

A corrida eleitoral

Quando perguntado sobre a eleitoral em 2018, o presidente do Bradesco disse não conseguir avaliar os possíveis cenários, porém será uma eleição com candidatos gerando um debate profundo do espectro político da sociedade.

“Será um ano marcado por muito debate”, ressaltou Luiz Carlos Trabuco Cappi, que completou dizendo que a pluralidade de candidatos vai refletir no pensamento da sociedade.

Futuro no Bradesco

Trabuco deixará ainda no primeiro trimestre a vaga de diretor presidente e ficará apenas na presidência do conselho administrativo da casa.

 

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.